Blogs E A Liberdade De Expressão

Olá Leitores Do Ponta, Como Podem Percebe Eu Não Ando Fazendo Muitos Post Né?
Então Eu Estava Procurando Um Gadget Para Um Amigo Aqui E Entrei No Ferramentas Blogs, Encontrei; Entrando No Assunto, Eu Comecei A Ler Post's E Acabei Achando Um Que Me Enteresou E Resolvi Traze-lo Para Vocês! Além De Ter Acontecido Um Fato Comigo, Junto Com A Minha Madrinha, Dona Do "Cantinho Da Vanessa".

Liberdade de expressão na internetA internet tem se mostrado como um grande espaço para debates, confronto de ideias, manifestações e mobilização social. Tem seu lado ruim e é mal usada por diversos grupos e pessoas. Mesmo assim, os benefícios de um espaço de comunicação como esse são maiores, é mais democrático que outros meios e acessível para praticamente qualquer pessoa. O que está em jogo aqui é nosso liberdade de expressão e direito à informação, juntamente com nossa responsabilidade individual.


Um dos assuntos mais complexos que temos que abordar hoje em dia é a relação entre “Liberdade de expressão Vs. Responsabilidade” quanto ao uso da internet e seus meios. Nós blogueiros estamos no meio do fogo cruzado, principalmente por sermos protagonistas de um novo meio de comunicação e propagação da informação.


Indo mais além, as redes sociais são uma grande fonte de troca de conteúdo, disseminação de ideias e meio de mobilização social, como nunca antes existiu na história da humanidade. Ainda estamos engatinhando, aprendendo a usar todas essas ferramentas que nos são disponíveis. Confundimos e misturamos nossa diversão com assuntos sérios.
Se olharmos para nossa time-line do Facebook, por exemplo, vamos encontrar fotos de gatinhos junto de notícias sobre protestos, mensagens sociais e declarações de amor. Muitos ainda pensam que basta clicar em “Curtir” ou “Compartilhar” de algo que já está ajudando, mas não é capaz de sair do sofá para ir às ruas e gritar nossos ideais, defender uma causa.

Somos livres, mas estamos presos?

Antes de discutia a “liberdade de imprensa” como legítima liberdade de expressão. Estamos num momento em que a imprensa já não representa mais a opinião pública, é manipulada por grandes corporações e interesses até de suspeitos criminosos (haja vista o caso “Cachoeira” e semelhantes).
O melhor da internet hoje é que já não dependemos mais dos grandes meios de comunicação, nem de dinheiro, equipamentos, equipes e profissionais, para fazermos nossa voz ser ouvida e propagada. Cada indivíduo com um computadores, tablet ou celular com acesso à internet pode ter seu blog ou um perfil em rede social, até mesmo um simples e-mail, e fazer voar pela rede o que achar conveniente para suas interações.
Não somos empresas, nem órgãos de comunicação ou entidades. Somos pessoas, indivíduos conversando sobre o que queremos, com quem queremos e de forma direta, sem intermediação de terceiros, sem nos deixar levar por opiniões alheias (ou nos deixando levar, mas escolhendo quem realmente nos influencia).
Sim. Podemos escolher quem vamos deixar nos influenciar. Não estamos presos aos poucos canais da TV ou aos poucos jornalistas canonizados pela mídia tradicional. Nem mesmo a propaganda convencional tem sido eficiente para vender produtos ou serviços, onde até a linguagem da política está precisando ser repensada.
Isso não nos exime da responsabilidade, das leis e do Direito. A democracia plena para a liberdade de expressão prescinde o direito do outro, o espaço do outro. A internet não é lugar sem lei ou sem regras, não é um vale-tudo. Não tenho a resposta sobre tudo isso e ainda vamos levar algum tempo para saber como usar efetivamente a internet. Mas ainda é melhor do que tudo o que já tivemos. '

Fonte:
                                          Ferramentas Blog


0 comentários:

Olá, Obrigado Por Visitar Meu Blog, Deixe Seu Comentário E Suas Opiniões!